Publicado em 26/11/2016 às 10h40

Fidel Castro morre aos 90 anos em Havana

Segundo informações oficiais do governo cubano, Fidel Castro morreu às 22h29 e o corpo do ex-líder de Cuba será cremado; aguarde mais informações

518

O ex-presidente de Cuba, Fidel Castro, morreu na noite desta sexta-feira (25), aos 90 anos, na capital Havana, confirmou a TV estatal cubana.

A morte do líder cubano também foi informada pelo seu irmão, Raúl Castro, que está no poder na ilha, e pela rede de televisão norte-americana CNN.

Segundo informações oficiais do governo cubano, Fidel Castro morreu às 22h29 e o corpo do ex-líder de Cuba será cremado, um de seus últimos pedidos. Ainda não há informações sobre o funeral.

As aparições de Fidel publicamente estavam cada vez mais escassas. A última vez que ele apareceu foi em 15 de novembro, quando recebeu o presidente do Vietnão, Tran Dai Quang.

90 anos

A última grande celebração em que ele participou aconteceu em agosto, quando comemorou os seus 90 anos de idade. Fidel Castro reuniu mais de 100 mil pessoas em Havana.

Ele estava aposentado de suas funções há uma década e era praticamente inacessível. Só recebia visitas excepcionais em sua casa na capital cubana.

A história

Fidel Castro esteve por cinco décadas à frente de Cuba, exercendo um comando firme antes de ficar muito doente e passar o poder para um irmão mais novo, Raúl Castro.

O revolucionário tinha 32 anos quando entrou triunfante em Havana. Era 1959, usava barba e uniforme e vinha da derrota de um exército de 80 mil homens contra uma guerrilha que em seu pior momento contou com 12 homens e sete fuzis.

Sem passado militar, Castro expulsou do poder o general e ditador Fulgêncio Batista, na luta que começou com o fracasso da tomada do quartel Moncada, em 1953.

(Fonte O TEMPO)

Tópicos


Publicidade

Últimas Notícias