Publicado em 12/12/2019 às 12h38

ROBINHO ACUSA CARLOS SIMÕES DE FALCATRUAS EM MUCURI

Parlamentar disse que o prefeito tenta empréstimo na rede bancária para beneficiar aliados

1973

O deputado estadual Robinho divulgou nas redes sociais apelo para combater a corrupção instalada nos poderes executivo e legislativo da cidade de Mucuri. Para ele, os governantes constituídos trabalham na contramão da história por não defenderem os interesses públicos.

Alguns procedimentos levaram o parlamentar a essa conclusão. De acordo com sua denúncia, recentemente a Câmara Municipal aumentou os salários de vereadores em 25%, enquanto a folha de pagamento dos servidores públicos se manteve inalterada. O deputado Robinho disse que recebeu a notícia com certa preocupação. “Veja que esse aumento de 25% será pago a partir de 2021 e, de certa forma, é exagerado, visto que, a inflação ao ano foi de 3%. Estão brincando com o erário público. Mucuri passa por problemas administrativos da mais alta gravidade. Foi uma gestão tumultuada com processos envolvendo o Chefe do Executivo o tempo todo, sob acusações de improbidade e má gestão com o dinheiro público. O município tem tudo para se deslanchar. Tem uma boa receita, um povo trabalhador, preocupado com o desenvolvimento. Entretanto, a prefeitura conta com um administrador inexperiente para a função. Tomaremos providências para levantar essas questões de forma legal”, ressaltou o parlamentar.

Em gravação publicada nas redes sociais, o deputado acusa a Câmara de ser conivente com o prefeito de Mucuri. Para ele, a cidade recebeu cerca de R$ 29 milhões em precatórios e não reformou uma escola sequer. Segundo ele, sob o olhar omisso da maioria dos vereadores. Outro ponto que o deputado denuncia é a aprovação, pelo Legislativo, de uma autorização para tomar empréstimo junto à Caixa Econômica Federal no valor de R$ 13.900.000,00. Esse recurso parece ser destinado ao pagamento de propina aos vereadores. “Vou travar uma batalha junto aos órgãos competentes para barrar esse empréstimo que é uma vergonha. Não quero obter 1 voto sequer do povo de Mucuri se esse dinheiro sair”, prometeu o parlamentar.

https://www.facebook.com/bocadopovodemucuri/videos/2620555048029066/

O Deputado Robinho afirmou que esse montante, se for concretizado, irá comprometer futuras administrações no município. Ele disse ao EM TEMPO que o país já entrou no clima eleitoral para eleger os futuros prefeitos. “O município de Mucuri contrair uma dívida dessa, só irá afundar mais a contabilidade pública daquela cidade”, pontuou Robinho.

Resultado da votação que aconteceu na sessão da Câmara Municipal de Mucuri no dia 10/12/2019, foram 9 votos a favor do prefeito fazer o empréstimo de 13 milhões 950 mil reais. Os 3 vereadores que votaram contra foram os vereadores Beto Borges, professor Roberto e Nicó.

1 Saullo = sim
2 Célio = sim
3 Nicó = não
4 Beto Borges = não
5 Isaías = sim
6 Zé do boi = sim
7 Agnaldo sem teto = sim
8 Hélio fisioterapia = sim
9 Leninha Loures = sim
10 Adaias = sim
11 Itamar Siqueira = sim
12 professor Roberto = não
13 O presidente não vota

(Fonte EM TEMPO)

Tópicos


Publicidade

Últimas Notícias